Tenho câncer de tireóide: devo congelar o sêmen?
18 fevereiro, 2015
Importância da morfologia espermática no espermograma completo
10 março, 2015

Índice de fragmentação do DNA espermático: para que serve e quando devo fazer?

O exame de espermograma pode algumas vezes não esclarecer a causa de uma possível infertilidade. Mesmo um resultado de análise seminal normal, a amostra seminal pode apresentar alterações no DNA dos espermatozoides.

A integridade do DNA espermático é de extrema importância na iniciação e manutenção de uma gravidez seja ela em uma concepção natural ou em Reprodução Assistida. O IFDNA é um exame altamente sensível e auxilia no diagnóstico e tratamento do casal infértil. Estudos mostram que uma grande quantidade de fragmentos de DNA no sêmen está diretamente relacionada a maiores taxas de infertilidade.

Normalmente, o exame de fragmentação de DNA espermático, é um complemento do espermograma e é solicitado para casais inférteis sem causa aparente, homens com mais de 40 anos de idade, com histórico de exposição a agentes tóxicos para os testículos ou homens com alterações graves no sêmen. Lembramos que essas alterações podem também ser causadas por fatores momentâneos como: tabagismo, altas temperaturas nos testículos, uso de corticoide, e se esses fatores forem revertidos, a qualidade dos espermatozoides pode voltar a ser satisfatória.

É importante salientar que um valor de índice de fragmentação do DNA acima de 30 % não exclui a possibilidade de ocorrência de gestação a termo. Um resultado superior a 30 % pode indicar um tempo mais longo para estabelecer uma gestação normal, maior número de ciclos de Fertilização in vitro e aumento do risco de abortamento espontâneo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entre em Contato
1
Agradecemos o seu contato. Como podemos ajudar?
Powered by